8 de Agosto de 2020
Consultar edições passadas

Edição de Sábado: A primeira crise da Nova Direita



Rede de Ódio, o filme polonês sobre o rapaz que move uma agressiva campanha de desinformação digital contra um candidato nas eleições locais, ia ser lançado pela Netflix em meados do ano passado. Mas aí, em janeiro, um ex-presidiário esquizofrênico avançou contra o prefeito de Gda?sk, Pawe? Adamowicz, e o assassinou a facadas. Vários momentos da história do filme ecoavam a tragédia. A Polônia, afinal, é um dos países cuja política interna foi tragada por uma espiral de ódio e um movimento com vocação autocrática, tocado pela extrema-direita. Os produtores então preferiram segurar. Deixaram passar o pleito presidencial deste ano. Rede de Ódio foi ao ar faz duas semanas. (Assista.)




Esta edição só está disponível para os Assinantes Premium do Meio.

Já é assinante? Faça login.

Conheça: Chega mais rápido, edição extra de sábado, editoria de economia na edição diária e acesso ao Monitor, o software que usamos para ver as notícias de todos os sites em tempo real.


Mensal: R$ 9,90


Anual: R$ 99,00